A importancia das leads para aumentar as vendas online

ecrã com simbolo de dolar a sair de um funil

Num mundo cada vez mais digital – as vendas também evoluíram e processos de digital sales são fundamentais para o crescimento e sustentabilidade de qualquer empresa.

Naturalmente existem vários tipos de vendas e processos para as mesmas acontecerem. Neste artigo vamos explorar a parte de vendas digitais (Digital Sales) e que estratégias podes aplicar na tua empresa para aumentar as vendas.


Num processo de vendas digitais, é importante que no funil de vendas haja capacidade para gerar leads.

O que são leads?

Define-se lead como um pedido de contacto solicitado pelo cliente que quer saber mais sobre o serviço. Estas leads poderão ser ainda definidas como Leads Frias (Cold Leads) ou Leads Quentes (Hot Leads). Por exemplo:

  • Cold Lead – uma subscrição de uma newsletter
  • Hot Lead – um pedido de orçamento de um serviço

Como gerar mais leads?

Assim é importante ter uma estratégia de geração de leads de uma forma contínua e o desafio que muitas empresas se colocam é, como gerar leads? Neste caso há duas grandes estratégias:

  • Estratégia 1 – Formular uma plano de marketing que assente na conversão do cliente. Colocando assim diversos pontos de conversão (também conhecidos por CTA) e maximizar a sua visibilidade através de marketing digital, por exemplo em Google Ads.
  • Estratégia 2 – Confiar numa empresa ou software que trabalhe consigo para aumentar os seus resultados.

Então neste momento somos a empresa que tem a estratégia de leads implementada e estamos a começar a gerar contactos, conseguimos ainda identificar quais são as leads quentes e as leads frias. Agora vem a parte que mais importa – como converter?

Como posso converter as leads?

A conversão das leads tem muito que se lhe diga, pois, cada empresa tem o seu método de venda e o próprio método assenta na sua necessidade de gerar cash-flow. Assim vamos focar em apenas alguns métodos de venda que funcionam para diversas empresas.

  1.  Adequa o discurso: saber as necessidades dos clientes mesmo antes do cliente o contactar e adequar o discurso de acordo com as necessidades do mesmo. Isto pode ser particularmente desafiante para empresas com um grande portfólio de serviços. Daí que é necessário trabalhar corretamente a geração de leads.
  2. Mostra os benefícios: explicar as principais vantagens e estar preparado para comparações com concorrentes. Estudar os concorrentes e o potencial cliente é sempre uma ótima maneira de alavancar o discurso de vendas.
  3. Faz follow up: após tudo isso, pedir sempre um feedback de forma a perceber se a proposta tem algo. Fará assim o cliente sentir-se mais especial e que tem a tua atenção

Quando tem um processo otimizado, o importante é maximizar o seu tempo e o tempo da sua equipa. Assim, deverá começar a pensar em marketing automation ou automação de marketing.

Automação para melhorar a estratégia de marketing

A automação de marketing consiste em criar um conjunto de ações (triggers) que irão despoletar o envio ou conversações com o cliente – normalmente associado ao email marketing. Todavia agora já é usado a diversas ferramentas, que permitem criar automações para o envio de SMS de acordo com o comportamento do utilizador.

Descobre como a Inteligência artificial pode ajudar na tua estratégia de Marketing Digital

Uma das principais funções da automação de marketing é nutrir os leads de forma a “aquecê-las”, ou seja, as leads deixarem de ser frias para passarem a quentes através de conteúdo direcionado. Para isso, deverá ser criada uma automação, que permite por exemplo ao cliente que recebeu newsletters começar a receber mais conteúdos que lhe fazem sentido – a automação normalmente é criada no software de envio de email marketing (por exemplo, sendinblue.com)

Essa automação vai permitir optimizar o seu tempo, o tempo da sua equipa e melhorar a qualidade dos seus contactos.

As vendas são o oxigénio das empresas

Resumindo, num processo de digital sales é importante que o seu funil esteja optimizado. Para isso deverá ter em consideração as várias fases do mesmo, desde a geração de contactos até ao fecho dos mesmo – em paralelo o seu tempo e da sua equipa deverá ser optimizado quer seja no próprio processo da venda como também na automação de marketing.

Por que no fim de contas as vendas são o oxigénio das empresas – não acreditamos que haja empresas saudáveis sem vendas. Todos vivemos disso.

Também podes ter interesse neste guia para aprender como recuperar clientes através de campanhas de e-mail