O Robot que Rentabilizou o Reino do Rei (dos tapetes)

19 Outubro de 2020

Se acharam a adaptação da lengalenga (O Rato Roeu a Rolha do Rei da Rússia) fascinante, nem sabem o que vos espera se continuarem a ler.

O Cliente

Feira dos tapetes, o seu nome, faz um contacto à Logrise interessado no produto Amplifier. O namoro começa mas sem antes o cliente (ou nesta fase possível cliente) lançar um desafio para confirmar a premissa do nosso pequeno robot.

Para além do desafio de conseguir mais e melhor com um orçamento reduzido, sabíamos também de antemão que estaríamos a competir com outras agências.

O Desafio

Os desafios eram muitos, deixamos aqui uma lista das nossas primeiras preocupações:

  • Tínhamos uma prova de conceito de 30 dias para mostrar resultados;
  • Para além da competição externa, estaríamos também a competir com os resultados do mês anterior. Sabendo a priori que cada mês é um mês, ainda teríamos que analisar o período em questão para saber se este era propício a vendas dos produtos do nosso cliente;
  • Curto tempo de análise de dados até à implementação do Amplifier;
  • A Feira dos Tapetes já mostrava bons resultados (seria possível fazer mais e melhor?);

Tanta coisa para fazer, e como diz o ditado, “somos apenas humanos” mas robots já não o são…

A Solução

Colocamos o nosso Amplifier a recolher dados na máxima força!

Este gerou então um relatório onde em conjunto com quem o criou, foi analisado e o Amplifier identificou as seguintes optimizações:

  • Género Predominante
  • Dispositivo onde há mais sessões
  • Interesses
  • Onde vivem (região)
  • Idades

Pode parecer ridiculamente básico, mas, quando bem aplicado e bem apurado, os efeitos são esmagadores.

Agora vem a parte mais interessante do Amplifier, é ele conseguir cruzar estes dados todos, em questão de poucos segundos, com quem realmente faz compras. Assim sendo, e colocando em lista para se perceber melhor, todos os dados acima mencionados foram cruzados com:

    • Sessões x Vendas x Dias da Semana
    • Vendas x Quantidades x Dias da semana
    • Vendas x Quantidades x Dias do Mês
    • Sessões x Vendas x Horas do dia

e finalmente…

  • Vendas x Quantidade x Produtos por compra x Custo por Conversão x Custo diário de Campanha x Receita

 

“…fomos ao encontro daquilo que sabíamos que ia resultar com um apoio enorme do nosso Amplifier.”

O Investimento em Marketing Digital

O Marketing Digital passou todo pela plataforma Google Ads. O cliente disse que teríamos apenas 20% do seu orçamento mensal para a prova de conceito, traduzindo-se então em 6.66€. 

Na totalidade e contando com a nossa campanha, existiam 7 campanhas. Certo, é que passado os 30 dias de experimentação, o Amplifier conseguiu gerar um quarto da receita dos anúncios com apenas 20% do orçamento.

Este resultado fez com que fosse a segunda campanha com mais receita, mas esses números vamos analisá-los mais abaixo.

As outras Campanhas

Não vamos entrar em detalhes e números em relação às outras campanhas, porém queremos realçar que todas as campanhas estavam a trabalhar para um todo, e queremos aqui deixar expresso que quando falarmos de números gerais, estamos também a dar reconhecimento total do que foi feito destas campanhas.

“...o Amplifier conseguiu gerar um quarto da receita dos anúncios com apenas 20% do orçamento...”

Os Pontos Fortes

Uma marca já consolidada na sua área e reconhecida por muitos, contava também com vários anos de anúncios e dados que poderíamos analisar. A nível de conta muito bem estruturada e de fácil compreensão para quem nunca tinha visto e que tinha pouco tempo de preparação. A nível de branding, campanhas muito fortes e com óptimos resultados.

Tal como referimos na secção anterior ’As Outras Campanhas’ tem que ser dado o reconhecimento daquilo que foi feito antes do Amplifier, pois no Marketing Digital, existe um trabalho contínuo em que se procura sempre a evolução das métricas seja de forma orgânica ou através de canais pagos.

A Estratégia

Através daquilo que dissemos na secção ‘A Solução’, fomos ao encontro daquilo que sabíamos que iria prosperar a nível de resultados.

Cruzamos as métricas, criamos uma campanha de branding forte, com palavras-chave fechadas e optimizamos nas regiões que mais convertem.

Foram colocadas bids percentuais nos aparelhos eletrónicos de maior conversão de forma a ganharmos maior tração, de melhorar o CTR e de abrir a possibilidade de aumentar a taxa de conversão.

A meio da campanha, houve uma pequena quebra de vendas identificado automaticamente que sugeriu um carrossel recomendado pelos dados fornecidos do Amplifier onde cruzava a Drop Rate e a receita do Produto criando assim uma espécie de Best Sellers que na realidade eram os produtos que mais favoravelmente seriam vendidos e não os mais vendidos.

Os Números

Foram 30 dias.

30 dias de campanhas a alimentar estes números.

E de todos os números que são possíveis ver num relatório de Marketing, vamos aqui colocar os KPIs (Key Performance Indicator) que revelam o sucesso. Estes números são da totalidade das campanhas e comparativos ao período anterior. Entraremos nos dados individuais do Amplifier na seção abaixo.

Cliques

17 127

7.8%

CTR

4.55%

6.7%

Impressões

376 068

1.1%

Cliques – O número de vezes em que um utilizador clica num anúncio da conta deste cliente, um aumento razoável de 7.8%.

CTR – O Click Through Rate. Para muitos Marketeers o valor optimal é de 2%, aqui apresenta-se com 4.55% tendo aumentado 6.7%.

Impressões – A nível de impressões uma subida de 1.1%, sendo considerada uma impressão toda a vez que o anúncio é mostrado numa pesquisa.

Ora bem, estes 3 KPIs estão interligados pois não existe CTR sem um Clique e não existe um Clique sem uma Impressão.

Aqui a explicação para estes resultados serem considerados sucessos é o facto de que com o aumento de impressões, houve um aumento maior de cliques influenciando então o CTR final, traduzindo-se na optimização do público alvo e em como a publicidade está a ser direcionada para os segmentos certos.

Custo

0.2%

CPC

0.06€

-7.1%

CPM

-0.9%

Taxa de conversão

0.81%

9.6%

Custo – Aquilo que foi gasto em termos de anúncios, houve um aumento de 0.2% explicado pelo facto da campanha Amplifier ter entrado no orçamento deste mês.

CPC – O Cost per Click. Para além de 0.06€ por clique ser baixo, este ter baixado 7.1% ainda é mais impressionante.

CPM – O Cost per Thousand Impressions. Traduzindo em matemática: a cada mil impressões paga-se à ferramenta Google um certo valor. Vemos então mais uma despesa a baixar aqui apesar de ter entrado uma nova campanha.

Taxa de Conversão – Impressionantemente um crescimento de 9.6% onde no período anterior tinha havido um decréscimo de 18.2%, não só foi recuperado esse decréscimo como também aumentou.

Mais 4 KPIs que demonstram a qualidade do trabalho feito, onde houve aumentos onde deveria haver e decréscimos onde também é suposto haver.

Vendas (Goals)

12.3%

Custo por conversão

-12.1%

Receita

33.2%

Vendas – Basicamente é o número de vezes que uma venda foi concluída com sucesso, aumento de 12.3% em relação ao período anterior.

Custo por Conversão – Aqui o importante a reter é que este custo baixou 12.1%, sendo agora mais barato e mais rentável por encomenda.

Receita – A massa – o carcanhol – o pilim – a guita que renderam as campanhas. Um aumento fantástico de 33.2%

Os últimos 3 KPIs que sumarizam tudo aquilo que foi escrito até agora.

Mais vendas, mais lucro, menos custo de aquisição - o essencial, o crème de la crème de qualquer campanha de marketing digital.

O Amplifier

Nestes 30 dias aqui analisados deixamos, num estilo lista, os números individuais do Amplifier:

  • Da receita influenciada pelos anúncios o Amplifier é responsável por 16.02%, sendo apenas 1 anúncio em “competição” com mais 6, ficando então com um resultado acima da média
  • O Amplifier apenas utilizou 17.67% do budget disponível mensal
  • O Amplifier aumentou em 8,19% a média de compra/venda
  • O Amplifier ajudou ainda nos seguintes KPIs: mais vendas (12.3%), menor custo por conversão (-12.1%), mais cliques (7.8%), aumento de CTR (6.7%), mais impressões (1.1%), menor CPC (-7.1%) e mais receita (33.2%)compreensão para quem nunca tinha visto e que tinha pouco tempo de preparação. A nível de branding, campanhas muito fortes e com óptimos resultados.

Ao longo deste Business Case demos provas atrás de provas de como o Amplifier ajudou este negócio a chegar a um novo patamar. E você?

Quer aumentar as vendas da sua loja? Que tal começar com 7 dias gratuitos, nós até gostamos de desafios, contacte-nos hoje e evolua já amanhã!

Quer uma opinião ou orçamento?

Orçamentos, dúvidas, questões ou ideias para trocar connosco? Precisa de uma proposta? Entre em contacto abaixo e responderemos ainda hoje.

© 2020 Todos os direitos reservados.  Política de Privacidade

Powered by Logrise